Transfofa em Blog

Um espaço especial e pessoal, para dar relevo a cada momento único - Bem Vind@ ao meu Blog!

terça-feira, Fevereiro 07, 2006

Queria ser quem afastasse de ti os teus medos, as tuas angústias, com palavras doces e carinhosas, quem te pusesse em paz com o teu íntimo
Não sou

Queria ser quem afastasse de ti as negras nuvens do desespero que teimam em imiscuírem-se na tua vida não te deixando descansar nem aproveitar o sol que brilha e aquece os corações
Não sou

Queria ser quem te desse o amor que tanto necessitas, profundo e verdadeiro como a mais cristalina das águas filtrada pelas agruras da vida, jorrando límpida e pura da nascente
Não sou

Queria ser quem partilhasse as tuas alegrias e tristezas, rindo com o teu sorriso e juntando as minhas lágrimas às tuas
Não sou

Queria ser quem te desse a estabilidade física e emocional para que finalmente vivesses a tua vida em pleno, cheia e boa como mereces
Não sou

Queria ser quem te desse a razão de viver, por quem sentisses falta quando não estivéssemos a partilhar um mesmo espaço ao mesmo tempo, para que a alegria do reencontro fosse algo extasiante de felicidade
Não sou

Não queria ser quem fosse indiferente a tudo que foi descrito atrás, insensível e fria como um bloco de cimento dos que nos rodeiam diariamente, tornando frios os dias e noites que passamos no meio deles
Também não sou
E isso dói...

E assim resta-me dar-te toda a amizade que puder, todo o carinho que puder, na esperança que de algum modo possa mitigar as tuas necessidades, para que possas ir aguentando o dia a dia até encontrares esse alguém, e então entregar-me novamente à solidão que infelizmente teima em regressar continuamente, inexoravelmente...

1 Comments:

  • At 07 Fevereiro, 2006 13:15, Anonymous Apreciador do seu Blog said…

    De todos os posts que deixou neste seu blog este é, porventura, aquele que me tocou mais, pela sinceridade e expontaneidade do mesmo e por aquilo que voçê de facto quer transmitir. Julgo saber a quem se destina e quero dizer-lhe que acho o seu esforço heroico. Não sei se o destinatário merece tanto, mas isso é uma outra história. Quanto a si, acho que deve começar a dirigir essa sua energia, essa sua prosa e capacidades para outras áreas e principalmente para si mesmo. Voçê é uma mulher bonita e merece muito mais. Tem que acreditar na vida e muitas vezes somos nós que fazemos o nosso próprio destino. Apenas lhe digo isto por meio de uma amizade virtual de quem vem aqui ler um blog diferente, interessante e que deseja que a sua autora possa IR À PROCURA da felicidade que tanto merece.

     

Enviar um comentário

<< Home